Arquivo Electrónico

 

25 de Abril contado pelos protagonistas
   
VascoGoncalves_cont.jpg

 Entrevista
Data, local e entrevistador

bobine2.jpg 1h43m20s até 1h47m39s
Para a chefia do movimento foi escolhido Costa Gomes, mas publicamente no dia 25 de Abril aparece o General Spínola. O que sabe sobre o entendimento entre eles? Foi um factor desencorajante para os soldados?
  
 

Vasco Gonçalves

(n. 1921 m. 2005)

 

Vasco dos Santos Gonçalves nasceu em Lisboa em 1921. Inicia a sua carreira militar em 1946 e, no ano seguinte, o curso na Escola Prática de Engenharia.
Fez a sua primeira comissão na Índia (1955–57). Fez a guerra colonial em Moçambique (1965-67) como Comandante Interino do Agrupamento de Engenharia e em Angola (1970-72), como Comandante do Agrupamento de Engenharia. De regresso a Lisboa é colocado na Direcção da Arma de Engenharia.
Como Coronel, viria a ser o militar mais graduado a integrar o MFA. Faz parte da Comissão Coordenadora e a Comissão de Redacção do Programa do MFA. Foi Primeiro-Ministro de sucessivos governos provisórios (II a V). Foi a figura principal de uma corrente político-militar (Gonçalvistas) muito próxima do PCP. Figura carismática e principal referência das medidas mais revolucionárias do PREC (reforma agrária, controle operário, nacionalizações), foi afastado na sequência dos acontecimentos de 25 de Novembro de 1975. É compulsivamente passado à reserva, como general, em 1976. Morre em 2005.

voltar